10.11.09

a insónia de Antero permite-lhe acordar Mariana com um primoroso pequeno-almoço na cama. a mulher sorri ainda triste, a digerir as mágoas antigas. Antero segura-lhe nas duas mãos com carinho, olha-a nos olhos e diz: querida, nós vamos a esse jantar! e vamos mostrar a todos o quanto sabemos ser felizes! com os olhos molhados, Mariana sente-se como se a estivessem a puxar de um buraco fundo para a luz. a gratidão é a sua forma de amar Antero e murmura: obrigada, amor. enquanto beberrica um pouco de chá. quando se levantam há entre ambos um silêncio sereno. hoje Mariana não sente necessidade de conversar sobre a vida alheia. hoje a sua vida preenche-a. entretanto, no quarto ao lado, Maria Rita acorda devagarinho, ainda a saborear o beijo que Zeca deixou nos seus lábios.

ilustrado por Ana às 12:52

texto a partir da imagem...
as autoras
arquivos
2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


Novembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

21

28

30


RSS
eXTReMe Tracker